UEL 2022: MEDICINA E BIOMEDICINA SÃO OS CURSOS MAIS CONCORRIDOS DO VESTIBULAR

A Universidade Estadual de Londrina (UEL), no Paraná, divulgou a concorrência do Vestibular 2022. Como de praxe, o curso mais concorrido é Medicina, com 217,85 candidatos por vaga no sistema universal.

O segundo curso mais disputado do vestibular é Biomedicina, 44,38 candidatos por vaga. Em seguida está Ciência da Computação, com 39,77. Veja os cinco cursos mais concorridos:

Medicina - 217,85 candidatos por vaga
Biomedicina - 44,38 c/v
Ciência da Computação - 39,77 c/v
Psicologia - 34,57 c/v
Design Gráfico - 31,18 c/v

Acesse a concorrência completa

O Vestibular 2022 da UEL recebeu 22.587 inscrições, 5 mil a menos em relação à última edição. Os cursos com maior número de inscritos são Medicina, com 8754 candidatos; Psicologia, com 1067 inscritos; e Direito Matutino, com 920.

Entre os inscritos, 15.069 concorrem pelo sistema universal, 5.876 candidatos pelas cotas para escola pública, 543 na modalidade negro de qualquer escola, 1.013 como negro de escola pública e 86 candidatos optaram pela modalidade estudante com deficiência. O total de treineiros chegou a 1.281.

Mais de 15 mil candidatos são do Estado do Paraná, sendo 7,3 mil de Londrina. As mulheres são maioria entre os candidatos, 14.338 contra 8.249. O vestibulando mais velho tem 84 anos e concorre ao curso de Medicina. O mais novo tem 16 anos e prestará Engenharia Civil.

Provas
Por causa da pandemia, a UEL realizará o Vestibular em uma única etapa. O cartão com os locais da seleção será publicado em 24 de fevereiro de 2022. As provas estão marcadas para 6 de março, em Londrina.

As provas serão compostas por uma redação e 36 questões objetivas de Conhecimentos Gerais, 10 de Língua Portuguesa e Literatura em Língua Portuguesa e quatro de Língua Estrangeira (Inglês, Espanhol ou Francês).

Vagas
O Vestibular 2022 da UEL oferece 2.509 vagas em 52 cursos de graduação. Outras 616 oportunidades serão preenchidas pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU) 2022, pelas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021.

A UEL destina 45% das vagas para seu sistema de cotas, veja a divisão:

20% para estudantes que fizeram os quatro últimos anos do ensino fundamental e todo o ensino médio em escolas públicas.
20% para negros que fizeram os quatro últimos anos do ensino fundamental e todo o ensino médio em escolas públicas.
5% para negros, independente do percurso de ensino (público ou privado).
Há, ainda, reserva de 5% das vagas para pessoas com deficiência.